Quando Ir À Disneyland Paris

7
2328
Quando Ir À Disneyland Paris

É um sonho comum para crianças e adultos, mas facilmente se pode tornar num pesadelo, por isso, é importante definir bem quando ir à Disneyland Paris.

Hoje partilho a minha experiência das três vezes que fui à Disneyland Paris e sabem o que é mais incrível?

Todas foram diferentes.

Da última vez fui com o amor da minha vida e, como ele próprio reparou, parecia que eu não conhecia nada.

O Parque de Diversões principal é enorme e a confusão é quase sempre muita, mas existem umas alturas piores do que outras.

A última, fiz a reserva para o Carnaval porque coincidia com a altura em que ele tinha disponibilidade.

Infelizmente não contei com a enchente das férias escolares em toda a Europa.

É uma altura do ano que não aconselho!

A multidão fez com que me sentisse completamente perdida e com vontade de me ir embora.

Existiam filas para tudo e mais alguma coisa.

Cheguei a um ponto de saturação total!

Para terem uma ideia, chegámos por voltas das 10h30 e eram 14h e só tínhamos estado em filas.

Durante esse tempo todo andamos num divertimento, vimos um espetáculo e almoçamos.

As horas passaram muito rápido.

O que vale é que fomos dois dias e o segundo compensou bastante o primeiro. Acabámos por fazer um parque por dia.

O parque Disney Hollywood Studios é bem mais calmo, pequeno e muito menos stressante.

Disneyland Paris

 

A primeira vez também fui em Fevereiro com amigas.

Não haviam filas, foi maravilhoso.

Lá está, além de irmos durante a semana, não fomos na considerada “Época Alta”.

Fui apenas ao parque principal, mas conseguimos repetir várias vezes alguns divertimentos.

Havia bastante espaço para circularmos.

Foi a minha melhor experiência que tive na Disneyland Paris, sem dúvida.

Da segunda vez fui na primeira quinzena de Agosto com a minha mãe e a minha irmã.

Além de estar muito calor, estava tão cheio ou mais do que na terceira (no Carnaval com o meu mais que tudo).

Também não aconselho!

O ideal, segundo alguns funcionários a quem perguntei, é irem fora da época de férias escolares e, de preferência, durante a semana!

Tal como, eu própria tive oportunidade de constatar depois destas três experiências.

Disneyland Paris

 

Claro que quem tem filhos, não terá grande hipótese de escolha, mas existem alternativas para tornar um dia na Disney bem mais fácil.

Das três experiências que tive vi pais demasiado desesperados com o cansaço dos filhos e com as filas de espera até para comerem.

Se me perguntarem qual é a idade ideal para iniciarem os vossos filhos nestas andanças, a minha opinião é perentória: não o façam antes dos seis anos, pois acreditem que “vão passar as passas do Algarve”.

Se para um adulto, como eu, já é super cansativo, imaginem para as vossas crianças… é de loucos!

Acreditem que tive muita pena de vários pais com quem me cruzei.

Levar crianças de colo é muito mau, levar crianças que têm tendência para fazer birras é impensável e um enorme sofrimento.

Os vossos filhos não se irão lembrar deste dia, pois são demasiado pequenos.

Já vocês, garantidamente, jamais irão esquecer a tortura pela qual passaram.

Recapitulando, quando escolherem a data para fazerem esta viagem magnífica, lembrem-se:

– A época baixa além de ser mais barata tem menos confusão;

Se escolherem a época alta, optem pelos dois parques… Se no principal estiver uma multidão desesperante, sempre têm outra opção;

– Optem por visitarem a Disneyland Paris fora das férias escolares;

– Se tiverem oportunidade vão durante a semana;

– Se não houver opção e for mesmo, mesmo necessário arriscar a época alta, tentem ir dois dias com acesso aos dois parques;

– Depois de escolherem quando ir à Disneyland Paris, preparem a vossa viagem, conheçam o parque através da Internet (vejam aqui o mapa) e foquem-se nos sítios que realmente consideram imperdíveis;

– Têm apenas um dia, vão em época alta e querem mesmo muito ver tudo? Informem-se sobre o fastpassé um “corta filas” com um custo acrescido, mas que pode valer bastante a pena;

Outra forma surpreendentemente rápida de “cortar a fila”, mas que apenas está disponível em alguns divertimentos é o single rider. Eu sou fã deste conceito.

Esta é uma fila para quem está sozinho ou não se importa de ir separado dos amigos ou da família. É uma fila que foi criada para preencher os lugares vazios nos divertimentos.

Por exemplo, se fores com mais 2 amigos e no carrinho da atração couberem 4 pessoas, o quarto lugar é preenchido por um single rider.

Quando ir à Disneyland Paris?

Época baixa e fora das férias escolares são dois requisitos para não perderem tempo e conseguirem aproveitar o que este maravilhoso parque de diversões tem para vos oferecer.

Espero que estas dicas vos sejam úteis para saberem quando ir à Disneyland Paris.

A viagem, com todas as suas particularidades, não é barata.

Se for em família pode ainda sair mais cara, por isso, é muito importante que possam usufruir dela a 100%.

E usufruir a 100% depende muito da data que escolhem.

Acompanhem-me também no Instagram aqui e no Facebook aqui.

COMPARTILHAR
Eu sou a Elsa e tenho 29 anos. Sou uma mulher feliz e cheia de teorias. Adoro viajar, estar por dentro das novidades de lifestyle e casei-me em 2017, por isso, também tenho muitas dicas para vos dar. Espero que gostem do meu cantinho!

7 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here