Ter Medo Ou Ter Receio?

4
2701

Há alguns anos alguém me disse para nunca, em momento algum, dizer “tenho medo”, porque nunca devemos ter medo, devemos quanto muito ter receio. Já pensaram no quanto esta palavra nos pode debilitar? Achamos que ao dizermos que temos medo estamos a justificar algo, mas que justificação existe de facto para ter medo?

Há pelo menos três anos que não repetia tantas vezes esta palavra, mas repito hoje para que vocês a eliminem definitamente do vosso vocabulário. É tão fácil substituí-la… Umas vezes por ideias equivalentes, mas que ditas de outra forma fazem toda a diferença, outras simplesmente devem ser substituídas por coisas positivas.

 

Ora pensem e adaptem:

– “Tenho medo de morrer” por “Gostava de viver o máximo de tempo possível”;

– “Tenho medo de não ser capaz” por “Porque não hei-de fazê-lo?”;

– “Tenho medo de falhar…” por “Errar é humano!”;

– “Tenho medo de cair” por “Do chão não passas”;

– “Tenho medo do passado” por “Para a frente é que é o futuro”;

– “Tenho medo de arriscar” por “Nunca ouviste dizer que quem não arrisca não petisca?”.

 

Estes são apenas alguns exemplos da forma como encaro a vida. Cada caso é um caso, mas por favor lembra-te sempre: Pensamentos negativos atraem coisas negativas e pensamentos positivos atraem coisas positivas. Por isso, nem vale a pena ter medo, nem receio…

Ainda ontem eu era uma criança e hoje já tenho quase 30 anos. Vais deixar o tempo continuar a passar ao lado de medos e receios?

Acompanhem-me também no Instagram aqui e no Facebook aqui.

COMPARTILHAR
Eu sou a Elsa e tenho 30 anos. Sou uma mulher feliz e cheia de teorias. Adoro viajar, estar por dentro das novidades de lifestyle e casei-me em 2017, por isso, também tenho muitas dicas para vos dar. Espero que gostem do meu cantinho!

4 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here