Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

As Teorias da Elsa

Um blog que pretende motivar, inspirar, informar e dar a conhecer sítios e lugares surpreendentes.

As Teorias da Elsa

Um blog que pretende motivar, inspirar, informar e dar a conhecer sítios e lugares surpreendentes.

Cinema | A Bela E O Monstro Em 4DX... Uau!

Cinema
 
Cinema em 4DX e A Bela e o Monstro?! Combinação perfeita!
 
Na verdade, até reservarmos (pela Internet) os bilhetes para o cinema em 4DX, não sabíamos bem o que isto era. Só sabíamos que era uma espécie de 4D com 3D...
 
Mas, rapidamente percebemos que era muito mais do que isso. Foi uma experiência absolutamente fantástica e diferente e que só posso recomedar!
 
É uma nova forma de ver cinema baseado na tecnologia 4DX, ou seja, uma sala equipada para conseguir proporcionar mais de 20 efeitos especiais diferentes. Existe uma verdadeira interação e envolvimento com o filme.

Cinema
 
As cadeiras têm um sistema eletrónico de movimento integrado, que permite simular inúmeras sensações, tais como: voar, cair, acelerar ou travar. Com elas conseguimos acompanhar na perfeição a câmara e os movimentos desta. Depois a sala recria tudo o resto, tal como relâmpagos, aromas, vento, água, chuva ou nevoeiro. Isto com o excelente sistema de som que as salas de cinema têm, torna-se numa experiência inesquecível.
 
Em Portugal existem apenas duas destas salas. Uma no Norte, no GaiaShopping, a outra em Lisboa, no Almada Forum (onde assisti).

Cinema
 
Quanto ao filme A Bela e o Monstro, tenho a dizer que o facto de o ter visto desta forma, num cinema em 4DX ainda o tornou mais interessante.
 
Sou uma eterna apaixonada por este clássico da Disney (lembram-se da surpresa que o meu noivo me fez?) e tinha as expetativas bastante elevadas. Felizmente não me senti desiludida.
 
O realizador Bill Condon conseguiu, de facto, fazer uma excelente adaptação em imagem real deste filme de animação.
 
Conseguiu ainda, na minha opinião, justificar através do mundo real coisas que no filme original não necessitavam de justificação, mas que acho que resultaram muito bem.

Cinema
 
A senhora bule move-se através de um carrinho. O Lumière tem pernas. As cenas iniciais onde é justificada toda a ação prendem imediatamente a atenção do espetador. Existe uma razão plausível para a Bela viver unicamente com o pai e, por isso, ter uma forte relação com ele.
 
Infelizmente já estava a contar que não ia gostar do facto de ser a Emma Watson a interpretar esta personagem tão carismática.
 
A Bela sempre foi a minha princesa da Disney favorita e não creio que a Emma tivesse conseguido transmitir todo o encanto e a sensibilidade que esta personagem sempre conseguiu.
 
Sei que é algo difícil, até porque o público está muito ligado à Bela em desenho animado, mas tenho a certeza que existiam outras Belas mais "sedutoras" ou menos "pãozinho sem sal".
 
Não gostei daquele que devia ser um maravilhoso, fantástico e esplendoroso vestido amarelo. Era tão simples... E detestei ver o vestido inicial sempre arregaçado... Não havia necessidade!

Cinema
De resto, creio que mantive um sorriso de orelha a orelha do princípio ao fim... E o melhor? Senti-me completamente dentro do filme.
 
Há muito tempo que não ia ao cinema, mas acho que nos dias de hoje (com televisões tão evoluídas em casa), assistir a filmes na grande tela, só compensa se for de maneira diferente.
 
Já sabem: Se ainda não tiveram oportunidade de ver este filme, não o percam em 4DX! Se já viram e não foi em 4DX... não percam o próximo! Por 12€ eu acho que compensa!

Cinema
 
O que acham?
 
Acompanhem-me também no Instagram aqui e no Facebook aqui.
 
Fotografias: Disney e Sonae Sierra

 

2 comentários

Comentar post