A História De Um Amor Que A Morte Não Apagou

11
1375
História de um amor

O meu coração ainda bate de tristeza ao recordar o que vi nesta reportagem da TVI sobre a história de um amor que a morte não apagou.

Os meus parabéns à jornalista Sónia Santos e à forma como abordou este tema tão delicado.

Bolas… Eu sou uma pessoa sensível e ainda tenho a lágrima no canto do olho.

As feridas de amor emocionam-me e esta história deixou-me bastante sensibilizada.

Uma ferida de amor involuntária, uma ferida que não estava programada e que nem devia existir. Bolas!


TAMBÉM PODES GOSTAR DE LER:


Que “história de um amor que a morte não apagou” é esta?

Conheci a história da Carolina Tendon, uma jovem bailarina de 22 anos, que adormeceu no dia 9 de Fevereiro de 2014 e que não voltou a acordar.

Morreu com uma embolia pulmonar.

A família suspeita que o motivo da sua morte esteve relacionado com a toma da pílula Yasmim (como podem ver aqui).

Não percebi, apesar de ter pesquisado, se existiu, de facto, uma relação com a sua toma e a sua morte.

A reportagem a que assisti não tem o objetivo de contar a história da Carolina e da sua morte, mas sim, como já referi, da sua história de amor com Pedro Pinto (o namorado).

Já se passaram alguns anos, mas parece que ela continua bem presente na vida deste jovem.

A Carolina Tendon era natural do Algarve e estava em Évora a terminar o 5º ano de medicina.

Além de trocar algumas cartas com o namorado, escrevia, como hobbie, desde os 10 anos.

Com a ajuda da família e dos amigos, Pedro Pinto reuniu os textos e as frases dela, compilou e fez nascer o livro “De Mim para Mim”.

Considero que é uma homenagem e uma prova de amor fantástica.

Além disso, foi criado um álbum sonoro, do livro, que podem ouvir aqui.

A Carolina partiu, mas parece que os seus sonhos e as suas ambições continuam a alcançar o sucesso.

Até porque como, ela própria, escreveu sobre as suas palavras: “Não serve para ter na cabeceira nem para guardar na estante ou na gaveta, serve para inspirar a vida – a vossa!”.

Sinto-me verdadeiramente inspirada pela sua história.

Sinto-me inspirada pelo amor que motivou Pedro Pinto a tornar a sua memória eterna… Obrigada!

Sobre o namorado, Pedro Pinto:

Pedro Pinto é músico, desenvolveu o projeto Reflect e a Kimahera.

Gostei do que ouvi e, sobretudo do sentimento em cada palavra cantada.

Gostei das suas melodias e de perceber que a sua música é tocada com o coração.

Um coração que agora vive a história de um amor com Laura, a atual companheira.

Não o conheço, mas fico muito contente por ter reencontrado o amor e seguido com a sua vida em diante.

A fotografia utilizada neste post é a capa do livro “De Mim para Mim” e foi retirada do site www.carolinatendon.pt.

Acompanhem-me também no Instagram, no Facebook e no Youtube.

COMPARTILHAR
Eu sou a Elsa e tenho 29 anos. Sou uma mulher feliz e cheia de teorias. Adoro viajar, estar por dentro das novidades de lifestyle e casei-me em 2017, por isso, também tenho muitas dicas para vos dar. Espero que gostem do meu cantinho!

11 COMENTÁRIOS

  1. Já conheço a história há alguns anos, também me marcou bastante, pela história, pela garra do Pedro e por, na verdade, a Carolina ter tanta coisa em comum – o nome, a idade na altura, o amor pela escrita (temos textos bastantes idênticos e pensamentos iguais, em prosa e em verso – também comecei por escrever em verso), o amor pela vida.
    Isso tudo mexeu comigo, fez-me ainda mais lutar pelos meus sonhos. O facto de ele levar o sonho das palavras dela a Portugal inteiro, foi mágico. Adoro a sua tamanha valentia, personalidade, talento – uma das minhas músicas de eleição do momento é do Pedro “Coração nublado” –

    84S0

    É linda, linda.
    Há histórias de amor verdadeiras que marcam, esta é uma delas.
    Há pessoas que partem mas que se tornam eternas no coração e na homenagem de quem continua vivendo.
    Adorei este teu post, Elsa.

    Um beijinho enorme!
    http://gestoolharesorriso.blogs.sapo.pt/

  2. É verdade Carolina… As músicas são lindas e as palavras são inspiradoras. Lutar pelos nossos sonhos é o mais importante, até porque nunca sabemos quando é que a vida nos pode pregar partidas… ter alguém, como o Pedro, que deu continuação ao sonho da Carolina, é de louvar! Marcou-me e acho que deve ser partilhada para continuar a inspirar o mundo! 😀 Obrigada pelas tuas palavras. Beijinhos

  3. Conheci a história deles através do facebook dele, numa partilha… Li as últimas mensagens no messenger… Senti o coração mega mega apertado, senti-me horrível por não valorizar…

    Prefiro nem ler de novo porque essa história deixa-me tão tão tão triste 🙁
    Beijinho

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here